Lost 1×04 – Walkabout

WALKABOUT
O walkabout é um rito de passagem dos aborígenes australianos quando fazem 13 anos de idade, momento em que eles devem explorar a vastidão selvagem do país por 6 meses.

NA ILHA
Este é um dos episódios mais adorados pelos fãs de Lost e não é para menos. Nele nós descobrimos que antes da queda do avião Locke usava uma cadeira de rodas, totalmente incapaz de mexer os membros inferiores. A revelação é feita aos poucos, mas várias pistas são dadas nas cenas da ilha, como a surpresa de Locke ao ver os seus dedos se mexendo e a presença de uma cadeira de rodas nos destroços do avião.
Como os Losties começam a enfrentar a falta de comida é chegada a hora de explorar as possibilidades naturais da ilha. Locke se habilita a caçar os perigosos javalis, usando suas facas. É impressionante ver a diferença de Locke nesses momentos com o Locke dos flashbacks. Antes ele não tinha certeza do seu lugar no mundo, agora é alguém que acredita ter passado por um milagre e é uma pessoa confiante. Um dos pontos chave do episódio é o encontro de Locke com o “monstro”. Por que o “monstro” deixou Locke viver? Está aí um grande mistério das primeiras temporadas.
Os sobreviventes resolvem fazer algo em relação aos outros passageiros do avião que não conseguiram sobreviver a queda. A ideia mais prática: queimar os corpos com a fuselagem do avião. Tal ideia desagrada Sayid, pois ele acredita que isso é um desrespeito em termos religiosos, mas numa situação dessas deve-se fazer o que é o mais certo. Sayid também encontra a foto de uma mulher que aparentemente tem grande importância para ele.
Há também uma interessante conversa entre Jack e Rose. Rose diz que Jack tem todas as características de um médico, mas Jack diz que na verdade escolheu essa profissão pelo fato de ser a mesma profissão do pai, “um negócio de família”, como ele diz. Para aumentar o mistério do episódio, Rose diz que tem certeza que o seu marido está vivo, mesmo que ele tenha ficado na parte de trás do avião.

FLASHBACK
Na primeira vez que se assiste ao episódio não dá para dizer que Locke é paraplégico logo de cara, mas as pistas estão lá. Não conseguimos ver suas pernas dentro do escritório, ele não as mexe enquanto fala no telefone e o seu chefe fala que ele não tem a menor chance de realizar o walkabout. Bastou esse episódio para termos uma excelente ideia do personagem, que tem conversas semanais com uma mulher do tele sexo e a convida para viajar para Austrália e que sofre por se sentir um tanto deslocado no mundo devido a sua condição. E é aqui que ouvimos pela primeira vez uma das frases mais marcantes proferidas por um personagem do seriado: “Não me diga o que não posso fazer!”.

NOTA
10

About these ads

2 comentários sobre “Lost 1×04 – Walkabout

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s