Crítica: Jurassic Park – Parque dos Dinossauros (1993)

Não há como negar que os dinossauros são os destaques do filme. Até existem personagens interessantes, alguns vivendo conflitos razoavelmente desenvolvidos pelo roteiro, como o Dr. Alan Grant e sua aversão por crianças e seu amor pelo trabalho de paleontólogo, John Hammond e sua esperança de criar um parque capaz de impressionar a todos e o Dr. Malcom com sua teoria do caos, mas eles ficam em segundo plano. Várias espécies de dinossauros são mostradas aqui, desde o poderoso T-Rex, passando pelos bandidos Velociraptores e o angustiante Dilophosaurus com seu veneno, até o pacífico, quase angelical, Braquissauro. A explicação dada para que os dinos ganhem vida é absurda, mas ao menos é baseada na engenharia genética. De qualquer forma, nenhum expectador de bom senso quer ser convencido de que tal coisa é possível. O que importa é se divertir com o que é visto na tela, algo que acontece desde o primeiro minuto.
Os efeitos especiais nos permitem esquecer o absurdo encontro entre seres humanos e dinossauros e geram sequências de ação empolgantes, executadas com a qualidade e criatividade que se espera de um diretor como Spielberg. Sobra um tempinho para que os personagens discutam sobre o fato do homem dar vida a uma espécie extinta há milhões de anos, uma espécie que já foi escolhida pela seleção natural para deixar esse planeta. Como todo blockbuster que se preze, o humor também não fica esquecido.
É daquele raro tipo de filme capaz de agradar crianças e adultos, homens e mulheres. Jurassic Park empurra o cinema de puro entretenimento para um patamar mais elevado, da mesma forma que Spielberg fez com Tubarão e Indiana Jones, o que não é pouco.
8/10 

About these ads

2 comentários sobre “Crítica: Jurassic Park – Parque dos Dinossauros (1993)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s