Crítica: Enrolados (2010)




É fácil constatar que as animações estão ficando cada vez melhores. Hoje em dia temos a certeza de que pelo menos duas ótimas animações serão lançadas a cada ano. Claro que isso se deve e muito a Pixar, mas existe vida inteligente em outros estúdios, como a DreamWorks e agora a Disney, que parece ter se reinventado de uma maneira positiva.

Enrolados oferece sangue novo para a história da Rapunzel e seus cabelos quilométricos. A essência é a mesma, mas tantas coisas boas foram adicionadas que podemos dizer que trata-se de um novo desenho. Quando ainda era um bebê, Rapunzel foi raptada do castelo dos pais pela malvada Gothel, que trancafiou a garota numa enorme torre e por anos se aproveitou da mágica do cabelo do Rapunzel para permanecer jovem. A garota não vê a hora de explorar o mundo lá fora, apesar dos perigos mencionados pela mãe. A oportunidade aparece na pessoa de Flynn, um habilidoso ladrão.

A animação tem uma carga de energia muito grande e é ótima para ser apreciada no 3D. É impossível ficar entediado com tamanha presença de espírito por parte dos roteiristas, que criam humor com facilidade e apresentam personagens memoráveis, como o camaleão superprotetor, o cavalo orgulhoso e estiloso e um mímico um tanto excêntrico. Não sou muito fã de números musicais em desenhos, mas aqui eles funcionam bem. Os estúdios Disney ainda não alcançaram o nível de excelência dos parceiros da Pixar, mas se outras animações divertidas e tocantes como Enrolados forem produzidas é uma ambição possível.

Título original: Tangled
Ano: 2010
País: USA
Direção: Nathan Greno, Byron Howard
Roteiro: Dan Fogelman
Duração: 100 minutos
Elenco: Mandy Moore, Zachary Levi, Donna Murphy, Ron Perlman

/ enrolados (2010) –
bruno knott,
sempre.

Anúncios

36 comentários sobre “Crítica: Enrolados (2010)

  1. Que maravilha ler este comentário! Aguardo ansiosamente pelo filme. Mas não tô querendo ver em 3D, vale tanto a pena mesmo?

    E a dublagem?! Como ficou?

    []s!

    1. Jeff… em 3D ficou muito bom, mas acredito que não é algo tão necessário, ao contrário de Tron por exemplo.

      A dublagem ficou prejudica pelo Huck… Vou assistir em inglês o quanto antes, com certeza vai ser ainda mais bacana.

      Abraços e valeu pelo comentário!

      1. Tron é a maior porcaria que já assisti. Um imenso desperdício de tecnologia para zero de conteúdo. Aguardo ansiosa a estréia de Enrolados.

      2. Tron visto no 3D sem muitas expectativas é uma experiência interessante, ainda mais com a ótima trilha sonora do Daft Punk.

        Enrolados é ótimo, comente aqui depois de assistir!

  2. Eu também achei divertido e bem realizado. Recuperou o fôlego da Dinsney de antes com seus contos de fadas arrebatadores. Quanto ao 3D, é bem legal, principalmente na cena dos balões. Já a dublagem de Luciano Huck… Lamentável.

    bjs

      1. Olá Bruno!! Sou novo por aqui.

        O filme é excelente, um otimo roteiro! A unica coisa que realmente me incomodou…foi a dublagem do Luciano Huck, com todo respeito…um lixo. Ele não é ator e muitas vezes a dublagem não condiz com as fisionomias feitas pelo personagem…poxa lamentável, Bem que a Disney podia lançar o DVD com a dublagem do trailer que rola no DVD Toy Story 3

      2. É verdade, Josiel… O que o Huck foi inventar de querer dublar uma animação? O maior culpado é quem convidou o cara, mas ele poderia ter rejeitado o convite!

        Obrigado pela visita!

        Abraços.

  3. Confesso que sua receptividade foi tão positiva que acaba de me contaminar! Preciso ver “Enrolados”! E o Luciano Huck é bem comunicativo, mas como ator é horrível (vide As Cariocas). Imagine como dublador, deve ser ainda pior! =)

      1. Pois é…o problema não é nem a voz e sim a atuação. Acho que faltou um pouco mais do envolvimento dele com o personagem, ou não foi bem orientado…

  4. Oi Bruno,

    Estava ansioso pelo filme até saber que não haveriam cópias legendadas no país (todos sabem que animação deixou de ser um gênero só para crianças há um bom tempo, não é mesmo?) e que a dublagem é terrível. Espero pelo DVD.

    Coloquei o Intratecal no meu Blogroll.

    Abs!

  5. aff, a dublagem brasileira ficou ótima, todos os personagens tiveram ótimas vozes… exeto pelo luciano huck… tinham q fazer uma redublagem, tirando ele, dai sim ia ficar bom.

  6. Eu adorei este filme! Acho que ele retoma aqueles elementos clássicos das animações da Disney e é isso que faz o filme se tornar especial. Eu, sinceramente, não achei a dublagem do Luciano Huck ruim. Para alguém que não é ator, não é profissional da dublagem, ele até que se saiu bem!

    1. Que bom que vc gostou… é realmente ótimo, né?

      Mas eu penso… pq chamar um cara que nem é ator para dublar um lançamento importante? Não faz sentido!

      Bjos.

  7. A dublagem do Luciano Huck foi boa o personagem tem um ar sarcástico ele pode não ser ator mas fez com muito ”molejo”
    O filme em si mostra que cada vez mais a animação esta se tornando real ,o que e bom pois sera valorizada mais também ruim por que pode perder um pouco a magia ,devemos considera achando bom ou ruim nos fomos ver então algo nos levou a isso …

  8. Filme divertidíssimo. Muito colorido, técnica impecável. Gostei principalmente da roupagem nova que deram à história. Tá certo, tem os musicais que a Disney tanto gosta, mas mesmo assim, eu adorei. Mas é engraçado, quanto à dublagem, eu não conseguia me deligar da figura do Luciano Huck e isso acabou atrapalhando um pouco, pois o grande barato do cinema é a imersão que o espectador precisa fazer na história pra ter uma experiência única, e a voz do Luciano parecia o toque de um telefone ou da campainha, incomodamente nos lembrando que aquilo era apenas um filme.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s