Les Vampires (1915)

les-vampires-poster
Dirigido por Louis Feuillade e com destaques para Musidora e Marcel Lévesque, Les Vampires foi lançado como um seriado de 10 capítulos, totalizando 7 horas de duração. Confesso que demorei um certo tempo para chegar ao fim, mas é inegável que o filme é repleto de ótimos momentos, além de ser um prato cheio para quem quer conhecer mais sobre a História do cinema.

les-vampires-1
Apesar do nome sugerir, Les Vampires não possui vampiros em sua trama. O título, na verdade, faz referência a um grupo de bandidos que toca o terror pelas ruas de Paris. Um dos seus líderes é Irma Vep, de longe a melhor personagem. Ela é muito mais interessante que qualquer um dos heróis. Há quem a considere a primeira femme fatale do cinema.

les-vampires-irma-vep
A trama é bem simples e em geral garante boas doses de ação e suspense. Mesmo sem utilizar muitos recursos estilísticos, Louis Feuillade imprime um ritmo ágil a Les Vampires, com várias cenas arrojadas de perseguição que exploram diversos elementos da cidade, como telhados de prédios, trens em movimento, passagens secretas e muitos outros. A criatividade é um dos pontos fortes aqui. Sobra um tempinho também para o humor, muito por conta do verdadeiro alívio cômico que é Mazamette, este aí da foto abaixo:

les-vampires-filme
Infelizmente, algumas sequências são um pouco arrastadas e até confusas, prejudicando levemente a experiência. Acho que foi por isso que demorei tanto tempo para assistir a todas as partes.

les-vampires-1915
De qualquer forma, o filme possui mais pontos positivos do que negativos. Sorte a nossa que ele foi redescoberto na década de 1950 por críticos americanos. Seria uma pena não ter a oportunidade de conhecer este ótimo exemplo de cinema de entretenimento de 100 anos atrás.

Nota: 7.5/10

Ficha técnica
Les Vampires (1915)
Direção: Louis Feuillade
Roteiro: Louis Feuillade
Com: Musidora, Marcel Lévesque, Édouard Mathé
Duração: 399 min

/assista a parte 1 no youtube

Anúncios

2 comentários sobre “Les Vampires (1915)

  1. Bom, acho que esse filme vale mais como uma curiosidade por essa questão de ser parte da Historia do Cinema. A primeira vez que ouço falar de “Les Vampires” foi hoje, aqui!

    1. pois é Kamila, este filme não é muito lembrado… ao contrário dos filmes do Griffith. vale mesmo como material histórico… tem que ter um pouco de paciência para encarar as 7 horas, mas no fim vale a pena.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s