O Que Traz Boas Novas (Monsieur Lazhar, 2011)

monsieur-lazhar-2011Após o suicídio de uma professora do ensino fundamental de uma escola do Canadá, Bachir Lazhar se apresenta para a diretora e pede para ser contratado como substituto. Ele terá que lidar não só com as crianças traumatizadas pela situação, mas também com regras rígidas que impedem qualquer tipo de aproximação entre professor e aluno. Para ele é normal dar um leve tapa na cabeça de um garoto que implica com outro, mas tal atitude não é vista com bons olhos por ali. Os pais querem que ele ensine e não que eduque. Bachir é um imigrante argelino cujo passado trágico é revelado aos poucos. Aliás, vários aspectos da história nos são revelados de uma maneira mais sutil, porém sem perder o peso dramático. É um grande trabalho do diretor Philippe Falardeau, que conseguiu trazer um certo frescor para um tema já muito explorado. O Que Traz Boas Novas nos emociona sem forçar a barra e ainda conta com uma cena final que beira a perfeição.
8/10

2 comentários sobre “O Que Traz Boas Novas (Monsieur Lazhar, 2011)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s