Crítica: Tróia (2004)

troy-2004Baseado no clássico da literatura A Ilíada, Tróia pode até nos entreter em alguns momentos, mas ficou longe de se tornar o épico que pretendia ser. A Guerra de Troia tem início quando Páris captura Helena, esposa do rei de Esparta Menelau. As coisas acontecem rapidamente e quando menos percebemos já contemplamos a monstruosa frota de mil navios chegando em Troia, inclusive com a presença do grande guerreiro Aquiles. O problema é que não conseguimos comprar a ideia de que o amor de Páris e Helena vale tudo isso. A química entre os dois atores inexiste e os seus personagens são muito pouco interessantes.

As cenas de batalha exageram na computação gráfica e na câmera tremida, mas economizam no sangue e na violência. Em alguns momentos pode até ser difícil compreender o que acontece, inclusive pela semelhança das vestimentas dos exércitos. O ponto forte acaba sendo os combates individuais, principalmente aquele entre Heitor e Aquiles. Estes são os dois personagens que podemos destacar aqui, apesar de Brad Pitt ter investindo em um Aquiles mais humano do que deveria.

Arrastado e cansativo, Troia ainda conta com um vilão desnecessariamente caricatural. A trilha sonora também não colabora ao soar pouco inspirada e não acrescentar em nada em termos de emoção. Aliás, o grande pecado do filme é não conseguir nos fazer importar com o que vemos, diminuindo muito o impacto que as cenas deveriam ter, com algumas poucas exceções.
6/10

2 comentários sobre “Crítica: Tróia (2004)

  1. Desta vez não poderei concordar, vi o filme duas vezes e sempre o achei grandioso, emocionante e muito bem comandado. Acho muito mais interessante do que os épicos de Ridley Scott, por exemplo, mas sei que é uma opinião minoritária. Pra mim, Petersen era um grande fazedor de blockbusters.

    1. Eu vi Troia duas vezes e em ambas não me empolguei. Não que Gladiador seja uma obra-prima, mas prefiro. Gosto muito de O Barco do Petersen, é um diretor muito talentoso, sem dúvida!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s