Review: Game of Thrones 4×08 – The Mountain and the Viper

the-viper-vs-the-mountain

A quarta temporada se encaminha para um final espetacular. O destaque deste episódio foi a luta entre o Montanha e Oberyn, luta esta que serviu para decidir o futuro de Tyrion. O embate durou menos tempo do que eu pensava, mas foi o suficiente para empolgar e mostrar um dos momentos mais violentos do seriado. Oberyn deixou escapar uma vitória certa por querer que o Montanha confessasse um crime passado, aparentemente, selando o destino do nosso anão.

Outro momento de impacto foi o desmascaramento de Jorah. Daenerys descobriu que ele havia se juntado a ela com más intenções. Infelizmente, ela não quis escutar as explicações dele, que foi expulso como um traidor. Houve bastante emoção nessa cena. O que será que Jorah e seu coração partido farão agora?

Quem surpreendeu aqui foi Sansa e seu teatrinho para convencer os lordes do Ninho da Águia da inocência de Mindinho na morte de Lysa. A garota está evoluindo mentalmente! Pena que agora ela abandonou os belos cabelos ruivos…

Falando nas “beijadas pelo fogo”, Ygritte, mesmo com o sangue nos olhos e o desejo de matar em alta, mostrou misericórdia para com Govia e o bebê. Ufa! A ideia de Sam se revelou péssima, de fato.

E o que dizer da decepção de Cão de Caça e risada marota de Arya quando souberam da morte de Lysa? Nada de dinheiro do resgate para o cão! Ele está um tanto azarado ultimamente. Uma pena que as irmãs não puderam se encontrar. Será que os Stark um dia vão se reunir?

The Mountain and the Viper foi um episódio extremamente bem dirigido. Tivemos muitas sequências esteticamente belas e recheadas de significado, além de uma das cenas mais violentas de todo o seriado. Tudo passou voando, em ritmo de fim de temporada mesmo. Se já tivemos situações para lá de intensas aqui, fico imaginando o que pode acontecer no próximo episódio. Ao que tudo indica, a tradição de um nono episódio épico será mantida.
9.5/10 

Anúncios

6 comentários sobre “Review: Game of Thrones 4×08 – The Mountain and the Viper

  1. Também esperava por uma luta maior, em tempo, não em qualidade. Eu ficasa só acompanhando o relógio se aproximando das 23hs e nada de chegar a luta, por um instante cheguei a cogitar que ela começaria nesse e terminaria no próximo, ainda bem que não.

    Conseguiram representar bem a luta do livro, lá ele fica por um tempo a mais martelando e pedindo para ele confessar e, confesso, que na série eu me cativei mais pelo personagem, uma pena que o melhor dessa 4º temporada tenha partido. Mesmo eu sabendo do que iria acontecer, acompanhar “ao vivo” foi foda demais. De explodir a cabeça mesmo.

    Agora é esperar pelo destino do Anão e os demais desdobramentos.

    1. de explodir a cabeça realmente! ! Oberyn foi destaque total. No livro ele nem me cativou… no mais, acho q esse foi o meu episodio preferido da temporada até o momento.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s