Crítica: Virgínia (Twixt, 2011)

twixt (1)É difícil acreditar que Francis Ford Coppola seja o responsável por este totalmente dispensável Virgínia, afinal ele é o diretor que nos trouxe obras icônicas do cinema, como A Conversação, O Poderoso Chefão e Apocalypse Now.

O filme mostra a chegada do escritor Hall Baltimore a uma cidadezinha interiorana chamada Swann Valley para uma tarde de autógrafos, mas na cidade não existe uma livraria sequer. Ele escreve histórias de bruxaria e havia tido uma estreia promissora, só que atualmente é considerado um escritor de terceira categoria e passa por uma enorme dificuldade financeira.

Uma narração em off  informa que esta cidade é considerada assombrada, pois um assassinato em massa ocorreu ali há alguns anos e, para completar, jovens participam de cultos satânicos e são suspeitos de serem vampiros. Após uma conversa com o xerife, Hall se interessa por esse passado sombrio da região e por um cadáver fresquinho com uma estaca no coração.

O enredo não segue um caminho muito claro e o diretor não consegue trabalhar o terror de maneira decente. O suspense é inexistente e as cenas supostamente gráficas são de um amadorismo impressionante. Acho que nunca vi um sangue tão falso como aqui.

Existem algumas sequências de sonho em preto e branco com alguns detalhes coloridos, com direito a participação de Edgar Allan Poe como personagem. São cenas visualmente interessantes, porem pífias em termos de enredo.

O único momento realmente agradável em Virgínia mostra Hall Baltimore se preparando para escrever e tendo um imenso bloqueio criativo para iniciar uma frase, fazendo até uma imitação de Marlon Brandon no decorrer da cena e ingerindo bastante álcool para tentar se inspirar.

No final das contas a questão que não me sai da cabeça é a seguinte: onde foi parar o talento de Coppola?
4.5/10

Um comentário sobre “Crítica: Virgínia (Twixt, 2011)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s