Crítica: Coração de Leão – O Amor Não Tem Tamanho (2013)

coracao-de-leao-amor-nao-tem-tamanho

Coração de Leão – O Amor Não Tem Tamanho é uma comédia romântica cuja estrutura não difere daquilo que já estamos acostumados a assistir dentro do gênero: duas pessoas se conhecem de maneira inesperada, se apaixonam, têm um percalço no caminho e a possibilidade de uma redenção no final. O que faz deste filme argentino um pouco diferente dos demais é o fato do casal ser composto por uma mulher de estatura normal e um anão. Tal situação é capaz de garantir algumas boas risadas, muito pelo fato do personagem encarar a vida de uma maneira bem positiva e segura, mas também existem alguns momentos mais sérios, como quando temos exemplos descarados de bullyng e hipocrisia. O casal principal possui uma invejável química e carrega o filme com tranquilidade, garantindo um bom entretenimento para o público. Mas não há nada de novo, poucas surpresas e um final que quase estraga toda a experiência.
[7.0]

2 comentários sobre “Crítica: Coração de Leão – O Amor Não Tem Tamanho (2013)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s