Crítica: Vida (2017)

Inspirado em melhores filmes do gênero, Vida é uma grata surpresa dos cinemas em 2017. Mistura de ficção-científica e terror, o filme mostra uma equipe de astronautas fazendo contato com um ser de outro planeta. Carinhosamente chamado de Calvin, o ser se revela um caçador sanguinário. Como sobreviver a sua força e inteligência no espaço? Várias sequências de Vida nos dão a certeza de que o diretor se preocupou com detalhes técnicos, facilitando nossa imersão na trama. A tensão também é algo bem trabalhado, mas não em um nível tão elevado como podemos ver no primeiro Alien, por exemplo. Faltou tempo para um melhor desenvolvimento dos personagens, ainda que o elenco sólido tenha feito o possível. Infelizmente, o desfecho é uma forçada de barra tremenda e prejudica a experiência. Digo que Vida é uma surpresa pois eu tinha certeza que isso aqui seria uma bomba. Me enganei.

Nota: 7

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s